quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Lapa Sernancelhe


 
Este ano já nevou mas as fotos são de 2008
Que beleza esta Lapa assim...

10 comentários:

  1. Olá Nuno, obrigado pela tua visita, gostei das tuas palavras, sinto-te uma pessoa boa e humilde, alguem que gostaria de ter como amigo, tenho tido uma fase de muito trabalho mas tenho visto o teu blogue, tens uma sensibilidade muito grande nas imagens e palavras que nos transmites, dos lugares que nos mostras e dás a conhecer, grande abraço e bom final de semana.

    ResponderEliminar
  2. Quando era criança, os nevões na Lapa eram muito frequentes e ao mesmo tempo uma festa! Não tínhamos escola durante vários dias. Os invernos já não são o que eram. Lembro-me que os velhotes iam matar o bicho e queimavam bagaço, em cima do balcão de madeira que existia na venda da mãe, para aquecerem as mãos. As braseiras eram o único meio de aquecimento na venda, local muito concorrido, pelas pessoas da aldeia, por aí existir uma das poucas televisões lá do sítio. Muitas vezes, éramos corridos por causa da GNR, uma vez que, não era permitida a permanência de menores nestes locais.

    ResponderEliminar
  3. O Manuel Cardozo quando passa pela lapa vai visitar sempre a Filomena, mal a vê:

    -Tia Filomena podemos ver televisão hoje?
    -lembras-te Manel
    -Fujam meminos, fujam vem ai a GNR...

    ResponderEliminar
  4. Nuno, porque será que sempre que leio os teus posts fico com a sensação que estou a reviver a minha infância?!? Deixas-me sempre meia "zonza" a sonhar meia acordada sobre as expressões, os locais, a tua forma de ser..Sei lá...
    Estou confusa hoje...

    ResponderEliminar
  5. haaaaaaaa olha, tens de ter cuidado com o tamanho das imagens! So tens 1G de imagens para poder meter aqui no blog, e tens metido imagens bastante grandes, qq dia estás sem espaço

    abraço e aparece :)

    ResponderEliminar
  6. E que tal fotos das gentes da Lapa...admito que haja dificuldades, mas a verdade é que, como diz o Arménio, as terras valem pelas pessoas... e oportunidades para retratar o modo de vida e de estar não hão-de faltar
    Um grande abraço

    ResponderEliminar
  7. Espéctacular Nuno... só tenho pena que não neve em Leiria...
    Um bom fim de semana
    Abraço

    ResponderEliminar
  8. NAO NUNO,ERA ASSIM:
    O ZECA POE A CANALHA NA RUA;

    VEM AI GUARDA VAMOS TODOS PRESOS .ESTOU MUITO EMOCIONADO C TUDO O ISTO TANTA RECODAÇAO DA MINHA QUERIDA INFANCIA A TIA FILOMENA TAMBEM E UM BOCADINHO MINHA MAE ESTOU ETERNAMENTE GRATO POR ME TER DEIXADO VER TV . A TIA FILOMENA ESTA NO MEU CORAÇAO TODOS OS DIAS.MANUEL CARDOSO

    ResponderEliminar
  9. ola senhor engenheiro nuno correia, gostei muito de te ver a falar da nossa terra,a nossa lapa.
    um abrço.
    antonio augusto lemos de oliveira

    ResponderEliminar