terça-feira, 3 de maio de 2011

João de Almeida Correia

Os últimos tempos da tua vida foram de bastante sofrimento, não compreendia onde ias agarrar aquela força e boa disposição que atenuava toda aquela dor, riamos os dois como perdidos quando nos olhávamos nos olhos através do espelho do teu quarto a fazer troça do bigode que te deixei, sei que compreendes por o fiz!
Consigo sentir-te em todo o lado companheiro...
Descansa em paz meu Pai.

4 comentários:

  1. Ele era um senhor muito simpático! =/
    tem muita Força nuno! =)

    ResponderEliminar
  2. Sabes onde ia buscar a força e a boa disposição? Eu sei... Ao amor que a nossa mãe, tu e outros lhe deram. Obrigado por seres assim.

    ResponderEliminar
  3. Sabes Nuno acho eu que a Xana tem razäo...Sinto muito pela partida do teu pai,mas todos nos iremos 1 dia so näo sabemos quando...se eu soubesse quando era o meu dia sabes o que fazia???fugia para a Lapa...Muitos beijinhos para voçes...

    ResponderEliminar