domingo, 26 de junho de 2011

1930-2011 - Na Taberna do Aleixo, Ponte do Abade - Sernancelhe


Fundada no dia de S Martinho de 1930, a taberna Aleixo passou do Pai Aleixo para o filho que conta com 90 anos, a crise também está a afectar esta casa quase centenária que noutros tempos foi a mais importante casa comercial da região, contava com serviços de correios e transportes, taberna, mercearia e bomba de combustíveis


Da esquerda para a direita o moinho de café manual, a primeira máquina de café que funcionava com uma lamparina de petróleo, a balança, o doseador de azeite e o de petróleo.


Pois é o Aleixo fundador projectou esta bela casa no ano de 1930, como poeta que também o era deixou dezenas de poemas seus  nas paredes desta casa, pintados á mão pela casa Lusitana de Coimbra.

Em vez de longos caminhos
para praças estrangeiras.
É melhor beber os vinhos
e exportar as bebedeiras.

Aleixo


Amor e carinho
Tudo vence...


Licença para venda de tabaco a retalho de 1974 e um velho Kentuchy ainda a 3.00escudos

O telefone da Camara de Sernancelhe éra o 55103




E a velha Bomba de combustivéis.

Se passarem por Ponte do Abade vão visitar o Sr. Aleixo, vale mesmo apena...

4 comentários:

  1. Já por diversas vezes passei em Ponte de Abade. Desconhecia contudo esta preciosidade!
    Cumprimentos.

    ResponderEliminar
  2. Vale mesmo a pena conhecer!
    Já parei e petisquei por lá!!
    Obrigado Nuno, por manteres vivos estes lugares, demonstrando, infelizmente, o que poderão ser os últimos "retratos" das nossas raízes!

    ResponderEliminar
  3. Uma relíquia!
    Um museu vivo sobre as antigas tabernas...

    ResponderEliminar
  4. Esta taberna fez-me recuar no tempo e lembrar algumas tarefas de meninice! Tenho saudades do tempo em que: pesava o colorau numa balança igual à da foto, de escrever mais um número de telefone na cabine de madeira, de servir o vinho da Fonte do Souto a quem o sabia apreciar, de conversas ao balcão que pareciam banais...

    ResponderEliminar