sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Cada vez mais solitário, mais eu! agarro-me á beleza das coisas simples para continuar.


Cada vez mais solitário, mais eu! agarro-me á beleza das coisas simples para continuar.

Sem comentários:

Enviar um comentário