terça-feira, 20 de dezembro de 2016

O essencial levo em dois alforges, o resto não importa...


O essencial levo em dois alforges, o resto não importa...


  

4 comentários:

  1. Não sei como e por onde começar... Olá, Nuno!

    Mais uma viagem, aventura das k gosta de fazer. Que tudo corra mto bem!
    Já estive a ler os seus posts anteriores, tal como as palavras, k em alguns escreveu e disse tanto!

    As fotos estão, como sempre, mto agradáveis e reais.

    É quase uma da noite, mas não tenho sono, pke encontrei a LUZ VAGA!

    Beijos e diga alguma coisa, se desejar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa noite, Céu.
      Bem vinda, fico extremamente feliz porque voltou.
      A soma das imagens e palavras continuam a ser mais ou menos a minha pessoa a sonhar! O desejo de liberdade, o desejo de estar em algum lugar diferente dos dias normais, apenas isso.
      Sobre mim, arranjei um trabalho, estou sempre mortinho para que chegue a próxima sexta feira, durante a semana um galão e uma torrada ao pequeno almoço, almoço sempre no mesmo restaurante, passa sempre o programa das manhas com os crimes do dia anterior, a empregada do restaurante traz sempre o pudim repetitivo sem eu pedir, saio do trabalho vou meter o euromilhoes, como todas as noites uma sopa, fumo um cigarro e vou dormir! Acordo de vez em quando com os gritos da minha senhoria a resmungar por qualquer coisa, não sou capaz de ir embora, a sra Irene diz que gosta de me ter por aqui embora pareça um tipo anormal. E assim me vou arrastando por aqui.
      A Céu está bem?
      beijos

      Eliminar
  2. SANTO E SOLIDÁRIO NATAL E UM ANO NOVO, MESMO DIFERENTE!

    Beijos com mta estima!

    ResponderEliminar